Nesta última semana, o jornalista Marco Antonio Villa foi afastado da equipe de jornalismo da Jovem Pan. Este fato ocorreu após o jornalista extrapolar em suas críticas ao Presidente Jair Bolsonaro e aos manifestantes do 26/05. 

  O jornalista usou as palavras ditador e nazista para se referir ao Presidente Bolsonaro, além de usar termos como radicais e fascistas para denominar os manifestantes do último domingo(26/05). 

  Após este ocorrido, inúmeros veículos de comunicação da extrema-imprensa tentou culpar o Presidente  pelo afastamento do jornalista Marco Antonio Villa. Segundo alguns destes veículos, o Presidente teria pedido a cabeça do jornalista. 

         Ontem, 01/06/2019, o Presidente comentou o fato

  Por meios de suas redes sociais, o Presidente Jair Bolsonaro fez questão de enfatizar o seu respeito pela liberdade de imprensa — mesmo que esta seja usada constantemente para atacá-lo. Não existe democracia sem liberdade de expressão, afirmou o Presidente do Brasil via twitter