O ministro da educação do governo Bolsonaro, Abraham Weintraub, após matéria exibida pelo principal telejornal da Rede Globo, Jornal Nacional, gravou um vídeo onde afirma que foram mostrados números inflados, e não os verdadeiros à respeito do contingenciamento de verbas para universidades.

“Desculpa estar voltando com o tema, eu estou até um pouco cansado. A Rede Globo não para. Tanto que eles tem o direito pleno de informar, e até de criticar, pelo menos usem os números de verdade, e não os números que eles tiraram da orelha de alguém.” disse o ministro

Após isso, Weintraub apesentou os números em contrapartida aos exibidos pelo jornal da Rede Globo.

Ontem no Jornal Nacional, de novo, eles apresentaram números errados. Falaram que a gente tinha contingenciado, em um tom sarcástico, em um assunto tão sério, 3.2 bilhões de reais. O número de verdade, que está a disposição na internet, foi de 1.7 bilhões. Uma diferença de quase 100%.”

O ministro também corrige números apresentados sobre a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e também afirma que não houve contingenciamento nenhum para refeitórios.

“Não houve contingenciamento nenhum para nenhum refeitório do Brasil. Não houve contingenciamento algum para absolutamente para nenhuma assistência estudantil. Está tudo sendo pago integralmente.”

E prosseguiu.

“E por último e mais importante, nenhum hospital universitário sofreu um único contingenciamento. Inclusive hoje, a gente está soltando 900 mil reais para abrir mais um hospital universitário lá em São Paulo. Eu só queria fechar para informar os senhores e senhoras que pagam por tudo isso. O custo da UFRJ, por ano, está indo para 3.7 bilhoes de reais. Quantas cidades pelo Brasil inteiro tem um orçamento desse? Você que paga por tudo isso, está satisfeito? Vamos pagar mais importo? E a Rede Globo, por ela está tão brava?” concluiu o ministro

Qual a razão da GLOBOLIXO estar tão brava? Qual a razão de tanta Fake News?

Publiée par Ana Maria Carvalho II sur Mardi 10 septembre 2019