Na tarde de ontem(23), quando chegava ao hotel onde ficaria hospedado, o Presidente Bolsonaro foi recebido com protestos por um pequeníssimo grupo de esquerdistas, que gritavam: Bolsonaro não, Amazônia sim.  

  O Deputado Federal Túlio Gadelha, conhecido como “namorado de Fátima Bernardes”, estava entre os envolvidos no protesto.  

  Com todo respeito, o deputado deveria estar trabalhando. Seria mais produtivo para o Brasil. 

  É esse tipo de atitude tomada por alguns políticos que explica muito bem o porquê do Brasil ter chegado ao fundo do poço. 

 

Momento em que o deputado aparece com os manifestantes: