Nesta segunda-feira (30) a Folha de São Paulo publicou uma matéria em tom crítico ao ministro da justiça e segurança pública do Governo Bolsoanaro, Serio Moro,  dizendo que a PF, no comando do ex-magistrado, possuí o menor índice de operações em um período de cinco anos.

Sergio Moro, por sua vez, sem citar nominalmente o veículo de comunicação, afirmou que o crime está em decaída e que as organizações criminosas estão incomodadas com o rigor da lei.

 “Recordes de apreensão de cocaína pela PF, destruição de plantações de drogas nos países vizinhos, cresce montante de bens confiscados do crime e número de investigações da PF aumenta. Organizações criminosas reclamam do rigor da lei. Precisa dizer mais alguma coisa? Só não vê quem não quer” Retrucou o ministro em seu Twitter