O militante travestido de jornalista, Glenn Greenvald — vulgo Verdevaldo —, atacou novamente. O esquerdista chamou o Presidente Bolsonaro de covarde por tê-lo bloqueado no Twitter. 

  Glenn é o principal responsável pela Vaza Jato a qual tinha(e ainda tem) como objetivo claro a contestação das ações da força-tarefa da Operação Lava Jato. Não obstante, o insucesso da Vaza jato perante a opinião pública parece ter deixado-o um tanto enfurecido.