Nesta segunda-feira (25), o presidente da República Jair Bolsonaro, anunciou que o governo planeja uma lei para que seja permitido operações de Garantia da Lei e da Ordem (GLO) em recuperações de posse no ambiente rural, uma atitude que presume a utilização das Forças Armadas para enfrentar com circunstâncias críticas de segurança no Brasil.

Segundo o Chefe de Estado, ainda quando mandado pela Justiça, os governadores acabam deixando o despacho da PM para remover desordeiros das propriedades rurais.

“Quando marginais invadem uma propriedade rural, o juiz determinando a reintegração de posse, como sempre os governadores protelam isso, quase sempre, quase como regra eles protelam isso. Pode ser um governador, ou o próprio presidente poderia, pelo nosso projeto, criar a GLO rural, para tirar o cara da propriedade. O cara invade a fazenda, queima o gado, depreda patrimônio, mata animais e fica por isso mesmo” afirmou o mandatário

Bolsonaro destacou que a lei será repassada para o Congresso Nacional para que os parlamentares apreciem o projeto.

“Não é medida impositiva da minha parte. Se o Parlamento assim achar que deve ser tratada a propriedade privada, eles aprovam. Se achar que a propriedade privada não vale nada, aí não aprova”