O General Luiz Eduardo Ramos, que é ministro-chefe da Secretaria de Governo, em entrevista ao jornal Estadão e publicada nesta segunda-feira (2), afirmou que, embora o presidente Bolsonaro não pense muito nesta possibilidade, acredita que uma eventual chapa entre ele e Sergio Moro acarretaria em uma vitória em primeiro turno. Na opinião do ministro, essa chapa seria invencível.

“Eu falei para o presidente que, se hoje ele fosse tentar a reeleição, com Moro de vice, ganhava no primeiro turno, disparado. Mas o presidente não vê isso como uma possibilidade” disse o General

No decorrer no diálogo, o general Luiz ainda falou acerca da importância de Jair ser reeleito. Para ele, o tempo de quatro anos não é o bastante para que seja provável que a maioria dos problemas que vem assolando o país sejam resolvidos.

Seria importante ele ter, sim, um novo mandato para arrumar a casa. Sinceramente, em quatro anos não dá para consertar tudo” completou