Em tom de desabafo, o ministro da justiça e segurança pública, Sergio Moro, foi até sua cidade natal – Curitiba – para participar e prestigiar de um evento em celebração do Dia Nacional da Justiça e Família, organizado pelo governo do Estado. Em seu pronunciamento, o ex-magistrado ressaltou que a soltura do ex-presidiário Luis Inácio trouxe um sentimento de abandono da Justiça.

O ex-juiz da Lava Jato comentou:

“Tem dias que parece que a Justiça não existe. Nós vemos criminosos sendo soltos, fazendo pouco da Justiça. Nós respeitamos o STF, sabemos que é uma instituição importante para a democracia, mas respeitosamente divergimos.”