A funkeira Ludmilla teve um contrato cancelado para ser a nova garota-propaganda da marca Stúdio Z Calçados, a partir de 2020. O motivo teria sido o novo hit “Verdinha” da cantora ao qual foi alvo de uma enxurrada de críticas. Para muitos, a canção faz referência à maconha. A deputada federal Major Fabiana foi coautora de uma moção de repúdio à canção.  Já em Minas Gerais, o Cabo Junio Amaral (PSL/MG) notificou  a canção à Polícia Federal e ao Ministério Público Federal. 

  Em uma rede social, Ludmilla atribuiu a desistência da marca ao seu casamento com a bailarina Brunna Gonçalves de Oliveira.

 “Que loucura essas marcas que falam de diversidade e cancelam uma campanha por puro preconceito. Essa é a ralidade de algumas marcas no Brasil: fazem um discurso inclusivo, igualitário e sem preconceitos por conveniência, mas por trás desse discurso não pensam nada disso, declarou a funkeira.