O deputado federal Eduardo Bolsonaro, nesta segunda-feira (13), prestou solidariedade ao seu colega de Câmara, o Delegado Éder Mauro, após ser confirmada a brutal morte da sobrinha do parlamentar.

“Me solidarizo com o Deputado Federal Éder Mauro pela morte de sua sobrinha. Que Deus conforte a família” escreveu eduardo

Samara Mescouto, sobrinha de Éder, foi encontrada falecida atrás de um terreno onde um dos acusados, detido no último domingo (12), foi detido. A moça teria sido morta pelo criminoso mais conhecido localmente como “Maníaco de Marituba”.

Éder ainda chegou a divulgar uma nota pública declarando que solidariza com todos os amigos e parentes das vítimas do assassino.

Na nota, o parlamentar ainda conta um pouco da história da jovem de apenas 20 anos.

“Samara foi adotada, aos 3 anos, pela mãe de Éder Mauro, Maria Trindade Cardoso, com quem morou até os 16 anos de idade, quando foi morar com a mãe biológica, que também foi criada pela matriarca da família Cardoso Barra”