Nesta quarta-feira(12), o STJ atendeu ao pedido feito pelo governo e liberou a nomeação do jornalista Sérgio Camargo para a presidência da Fundação Palmares.

  Em Dezembro de 2019, o jornalista teve a sua nomeação suspensa pela Justiça do Ceará em razão de declarações que desagradaram o establishment. Sem dúvida, a autorização para Camargo assumir o comando da Fundação Palmares deve causar um desespero generalizado na Esquerda nos próximos dias.