Marcelo de Carvalho, apresentador do programa Mega Sena e dono do canal Rede TV, através das suas redes sociais externou sua opinião a respeito da quarentena que o país vem passando por consequência da pandemia do coronavírus.

Para o empresário, é preciso acabar o mais rápido possível com o confinamento das pessoas, porque isso pode desencadear um problema ainda maior que a Covid-19, que seria um colapso na economia do país. Para ele, o país vinha mostrando sinais de recuperação, porém, se o país parar, a possibilidade da economia colapsar são bastante consideráveis.

“A grande parte dos empregos do Brasil são de pequenas e microempresas. É a pessoa que é comerciante, varejista, a pessoa que tem uma franquia, a cabeleireira que tem lá os seus funcionários, a loja, o comércio… Isso está parado. Não está entrando dinheiro” disse ele

Marcelo ainda chegou a comparar a situação brasileira com a da americana, que no caso da terra do Tio Sam, a economia consegue suportar certo tempo, diferentemente da brasileira. Ele ainda lembrou da grande depressão do ano de 1929, que assolou os Estados Unidos da América.

“As pessoas não estão podendo comprar, as ruas estão desertas como em tempo de guerra. Você sabe o que vai acontecer? Vão começar a mandar gente embora. Nós corremos o risco de entrar em um colapso, numa destruição, numa depressão como foi a Grande Depressão de 1929 nos EUA ou pior, porque lá é os Estados Unidos. Eles agora estão com um pacote de US$ 2 trilhões para ajudar a economia” apontou

E continuou:

“Nós estamos no Brasil, nossa economia vinha de mal a pior, agora tinha começado a levantar. Gente, vai acabar com o país. Nós podemos não ter quatro mil mortos, mas teremos 40 milhões de desempregados”

E concluiu:

“De resto, pessoal, vamos para as ruas, vamos trabalhar, porque senão a crise vai ter os mortos do coronavírus e os mortos do colapso financeiro. Nós vamos acabar com o Brasil, esse é o risco que nós estamos correndo. Muito obrigado”

Assista ao vídeo completo do empresário: